16º Grito dos/as Excluídos/as e Plebiscito Popular Nacional pelo Limite da Propriedade da Terra.

 Ofício 03/2010

A/C: Fraternidades Regionais e Locais da JUFRA e OFS

Assunto: Apoio e Participação no 16º Grito dos/as Excluídos/as e Plebiscito Popular Nacional pelo Limite da Propriedade da Terra.





 “Eu vi muito bem a miséria do meu povo (...). Ouvi o seu clamor contra seus opressores, e conheço os seus sofrimentos. Por isso, desci para libertá-lo (...) e para fazê-lo subir dessa terra para uma terra fértil e espaçosa, terra onde corre leite e mel (...).”
(Êxodo 3, 7-8).

Santa Rita/PB, 30 de julho de 2010.



Irmãs e irmãos da JUFRA e OFS do Brasil,

Paz e Bem,

Constituindo-se um espaço de animação, profecia e manifestação popular, carregado de simbolismo, sempre aberto e plural, e com o objetivo de chamar à atenção da sociedade para as condições de crescente exclusão social do Povo Brasileiro, há 16 anos as Pastorais Sociais e movimentos populares, com o apoio da CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil), vem organizando na Semana da Pátria (01 a 07 de setembro) o Grito dos/as Excluídos/as.

As atividades são as mais variadas: atos públicos, romarias, celebrações especiais, seminários e cursos de reflexão, blocos na rua, caminhadas, teatro, música, dança, feiras de economia solidária, acampamentos – e se estendem por todo o território nacional.

Excepcionalmente, nos anos de 2000, 2002 e 2007, o Grito foi realizado em conjunto com Plebiscitos Populares, o primeiro sobre a dívida externa, o segundo sobre a ALCA (Área de Livre Comércio das Américas) e o terceiro sobre a anulação do leilão da Companhia Vale do Rio Doce. Estas foram iniciativas das mais bem sucedidas em termos de organização e participação popular, envolvendo mais de 120 mil voluntárias/os, militantes e lideranças, ocorrendo em todos os estados e em mais de 3 mil municípios, levando às urnas, respectivamente, acima de 6, de 10 e de 3 milhões de votantes.

Neste ano, como gesto concreto da Campanha da Fraternidade de 2010 “Economia e Vida”, o Fórum Nacional pela Reforma Agrária e Justiça no Campo, juntamente com o Grito dos/as Excluídos/as e a Assembleia Popular, com o apoio oficial do CONIC (Conselho Nacional de Igrejas Cristãs) e da CNBB (carta em anexo), assumiu a realização de um 4º plebiscito nacional, é o Plebiscito Popular pelo Limite da Propriedade da Terra, onde responderemos as seguintes perguntas: 1) “Você concorda que as grandes propriedades de terra no Brasil devem ter um limite máximo de tamanho?” e 2) “Você concorda que o limite das grandes propriedades de terra no Brasil possibilita aumentar a produção de alimentos saudáveis e melhorar as condições de vida no campo e na cidade?”
A realização e o sucesso do Grito e do Plebiscito dependem única e exclusivamente da participação e do empenho de cada pessoa, de cada entidade, organização e pastoral, uma vez que não existe nenhum apoio público e da mídia. Representa a força e a determinação de quem acredita em que algo pode ser feito para corrigir esta absurda concentração de terras que acaba por excluir milhões de famílias de terem seus direitos protegidos.

Portanto, convocamos todas as Fraternidades Locais e Regionais da JUFRA e da OFS a se empenharem na realização do 16º Grito dos/as Excluídos/as, que tem como lema: “Onde estão nossos direitos? Vamos às ruas para construir um projeto popular”, e no Plebiscito Popular Nacional pelo Limite da Propriedade da Terra.

É importante que cada irmã e irmão fale, comente e divulgue, também pela internet e redes sociais (orkut, twitter), o Grito e o Plebiscito para seus amigos/as, sua família e colegas de trabalho e que cada Fraternidade integre-se aos comitês populares locais ou estaduais que estão organizando o Grito e o Plebiscito, e onde não existe comitê, que a própria Fraternidade se mobilize para criar.

E, na Semana da Pátria, junto com o Grito dos/as Excluídos/as, que as irmãs e irmãos intensifiquem a divulgação, ajudem a organizar os locais de votação, participem de alguma mesa de votação, VOTEM e assinem o abaixo-assinado que será levado ao Congresso Nacional para que seja votada uma emenda constitucional que determine um limite ao tamanho das propriedades.

Muitas informações e materiais podem ser encontrados em: www.gritodosexcluidos.org e www.limitedaterra.org.br , como jornais, panfletos, cartazes, cartilhas, cédulas de votação, abaixo-assinado, etc, que seguem em anexo. Procurem e se articulem com os Regionais da CNBB, com as Pastorais Sociais (principalmente a CPT – Comissão Pastoral da Terra), com as Pastorais de Juventude, e com os diversos movimentos sociais e populares, para que possamos mostrar a cara da JUFRA e da OFS do Brasil.

Por fim, ficamos à disposição de todas e todos para contribuir no que for preciso, e não se esqueçam de acompanhar e, principalmente, nos enviar notícias para publicarmos nos nossos Blogs nacionais: www.jufrabrasil.blogspot.com e o nosso www.dhjupic.blogspot.com .

Que o Deus da Vida, que inspirou Francisco de Assis a chamar a Terra de Irmã e Mãe, ilumine e ajude cada irmã e irmão a ser, como pediu nosso XIV CONJUFRA, “Jufrista como protagonista de sua própria história”.

Fraternalmente,

Emanuelson Matias de Lima
Subsecretário Nacional de DHJUPIC da JUFRA do Brasil

Wigna Jales de Lira
Animadora Fraterna Nacional para a JUFRA do Brasil